Náufragos do Deserto

Publicado: junho 25, 2010 em Letra

Náufragos do Deserto

(Ricardo Deckmann)

Um silêncio nas ruas

como um silêncio de morte

se é que a morte é mesmo silenciosa

Havia uma multidão perto de mim

mas o silêncio tomou conta das pessoas

Caminhando na cidade

no meio de tanta gente

ando sozinho

O vento toca o meu corpo

o suor escorre pelo meu rosto

nessa manhã de inverno

Somos náufragos do deserto

de um deserto povoado

onde os olhos não olham para nós

Somos náufragos do deserto

de um deserto povoado

onde os olhos não olham para nós

Nós estamos longe

eu estou longe de você

o silêncio roubou minhas palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s