Piratas do Hawaii

Publicado: julho 22, 2010 em Uncategorized

A partir de agora, Os Piratas do Hawaii passa a se chamar PIRATAS DO HAWAII. Assim, o novo site é: http://www.piratasdohawaii.com.br. Blog, Twitter, MySpace, etc. trazem o nome PIRATAS DO HAWAII. É uma mudança pequena, mas tira aquele visual retrô, estilo Os Incríveis, a passa a soar como algo mais moderno.

Todos os posts serão migrados para o blog piratasdohawaii.wordpress.com.

Anúncios

Estamos por aí… Piratas do Hawaii

Publicado: julho 5, 2010 em Texto

Toda banda de rock passa por dois momentos importantes: o primeiro é a escolha do nome; o segundo, passar o resto da vida explicando o porquê da escolha…

O nome Os Piratas do Hawaii surgiu, em 2007, aos poucos. Inicialmente, a palavra ‘pirata’ não saia da minha cabeça. O tempo inteiro ouvia as mesmas coisas: combate à pirataria, Piratas do Caribe, Rádio Pirata… Um dia resolvi desenhar uma caveira pirata. Fiz um esboço com papel e caneta. Depois, no photoshop, alguns retoques e efeitos. Sabia que ‘pirata’ estaria no nome da banda. Mas o complicado era o resto. Várias idéias iam surgindo, uma pior do que a outra. Nada agradava ou soava bem (na verdade, ainda penso se Os Piratas do Hawaii realmente soa bem).

Em paralelo, sempre tive uma paixão pelo Hawaii. Um dia soube que, segundo Serge Kahili King, o Espírito de Aloha é uma referência bem conhecida da atitude de aceitação amistosa pela qual as Ilhas Havaianas são bem famosas. No entanto, também se refere a uma maneira poderosa de resolver qualquer problema, atingir qualquer meta e, ainda, atingir qualquer estado de mente ou espírito que se deseje. E isso se encaixava perfeitamente com a proposta, não só da banda, mas uma proposta de vida: otimismo perante as coisas. Essa foi a grande motivação para a escolha do nome: OS PIRATAS DO HAWAII!!!

Mas, conscientemente ou não, também soava parecido com Engenheiros do Hawaii. Além disso, RPM tem uma música chamada Rádio Pirata que depois foi regravada pelos Engenheiros… pensando nisso, o nome também ficou sendo uma homenagem (espero que realmente seja) a duas grandes influências para nós (e para uma juventude inteira): Engenheiros do Hawaii e RPM. O que conforta é que outras bandas também fizeram homenagearam seus ídolos. Pink Floyd, por exemplo, fez sua homenagem a Pink Anderson e Floyd Council, grandes influências de Syd Barrett. Coincidências da vida… E, por concidência, meu nome é Ricardo Deckmann… e Deckmann, em alemão, significa “homem que vai no convés”, no convés de um grande navio pirata.

Algumas fotos…

Publicado: julho 4, 2010 em Fotos

Algumas fotos da banda:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mapa de Palco

Publicado: julho 1, 2010 em Mapa de Palco

Aqui está o mapa de palco da banda Os Piratas do Hawaii:

Ordem dos pedais

Publicado: junho 28, 2010 em Pedais de Efeito

Muitas vezes ficamos em dúvida em relação à ordem dos pedais de efeito para guitarra. Para facilitar a vida de muitos guitarristas, segue uma breve explicação sobre a montagem de um set-up:

O pedal de Wah tem comportamentos bastante distintos dependendo da ordem em que é colocado na cadeia de sinal.

Para um Wah mais sutil (a maioria dos guitarristas utiliza assim), basta colocar o Wah antes da distorção.

No entanto, se o desejo é um timbre mais gritante, é só colocar o pedal de Wah depois da distorção (tenho um CryBaby e, particularmente, acho essa ligação muito estridente).

De um modo geral, a ordem mais utilizada é:

1-Wah
2-Pedal oitavador
3-Compressor
4-Distorção
5-Equalizador
6-Pedais de modulação (Phaser, Tremolo, Flanger…)
7-Chorus
8-Volume (nessa posição controla o volume geral. Se colocado antes da distorção, irá controlar o nível de distorção)
9-Delay
10-Reverb


O afinador cromático fora da cadeia produz melhores resultados. No entanto, pode ser colocado com os demais pedais, próximo à guitarra.

Muitas vezes é interessante colocar um noise supressor após o Wah, passando pelos pedais de compressão, distorção, equalização e modulação.

Se possível, colocar alguns pedais (Modulação, Chorus, Delay e Reverb) no Send/Return do ampli. Isso fará com que a perda de sinal seja reduzida.

Utilizar sempre cabos curtos e de boa qualidade.

No mais, seus ouvidos (e os dos outros) são os melhores parâmetros para decidir em que ordem colocar seus pedais.

Sucesso!!!

Novo logo

Publicado: junho 28, 2010 em Texto

Brincando com o Photoshop, criei esse novo logo para a banda…

Pedais de Efeito

Publicado: junho 28, 2010 em Pedais de Efeito

Muitas pessoas me perguntam que efeitos eu uso, que tipo de distorção, etc… Atualmente tenho pedais Boss, MXR e um Crybaby. Uso um PS12 (Pedal Supply) da Landscape e cabos Santo Ângelo. O cabo que sai da guitarra e o que vai para o amp são da linha Premium. Entre pedais uso cabos Santo Ângelo com plugues banhados a ouro 18k. O primeiro pedal da cadeia é um Crybaby. Em seguida, tenho um TU-2 (Chromatic Tuner). Estão ligados um compressor e as distorções: CS-3 (Compressor Sustainer), Blue Box (um oitavador com Fuzz, da MXR), DS-1 (Distortion), MT-2 (Metal Zone) e OD-20 (Drive Zone). Segue um MXR Phase 90, um BF-3 (Flanger), um PH-3 (Phaser), um TR-2 (Tremolo) e um DD-6 (Digital Delay). Para completar a pedaleira, um efeito para vocal, lançamento da Boss: VE-20 (Vocal Processor). Os pedais foram montados em uma chapa de MDF 12mm, fixados em uma chapa de EVA através de recortes específicos. Nas laterais, coloquei duas alças para facilitar o transporte.